Escrito porAnaCastelo

Um textinho triste.

A gente tinha uns 10 anos. Minha amiga se chamava Ângela. Morávamos no mesmo prédio, em Brasília, e era super comum nós e todas as outras meninas da turma vivermos umas nas casas das outras. Podia ser um almoço na Monique, um lanche na Valéria (que tinha o maior coelho de estimação que já se teve notícia) ou um jogo de mímica na minha casa. Mas, nunca, nunca, a gente ia na casa da Ângela. Todas tinham um palpite: os pais dela eram muito bravos e não gostavam de bagunça. Até o dia em que surgimos naquele apartamento. Do nada.…

2,565 total views, 10 views today

Revista Pais & Filhos Especial de Março

Sabe um daqueles momentos em que você sente muito orgulho de algo que ajudou a realizar? Então, este é um deles. Foi maravilhoso fazer parte deste momento tão importante. Obrigada, Pais & Filhos, pela oportunidade, pelo espaço, pelo amor envolvido em cada uma destas páginas. A capa já está ali em cima. Agora, vamos ao interior da edição. 2,156 total views, 1 views today

2,156 total views, 1 views today

Sobre Um Mundo Estranho e Vidas Boas

Em países mais desenvolvidos, os exames pré-natais também são. E mais acessíveis também. O que é maravilhoso por uma série de motivos. Principalmente por tornar possível a realização de procedimentos importantes ainda durante a gestação. Hoje não são raras as cirurgias cardíacas realizadas no ventre e que talvez salvem mais corações de mães do que de bebês. Estou citando um exemplo radical. Muitas vezes, exames precisos levam a medidas simples que fazem muita diferença. Acontece que, com o aumento da eficácia e da acessibilidade a estes exames, aumenta também o número de abortos de crianças com síndrome de down. Na…

4,030 total views, 5 views today

Sobre Recomeços

Em dezembro, sempre acontecem aquelas avaliações do ano que passou. Na escola, na natação, no inglês. E, no caso do Mateus e das crianças com questõezinhas, temos também as avaliações nas terapias. Foi o que aconteceu lá pelo dia 8. Um papo marcado, cancelado e remarcado mil vezes com a Miriam, terapeuta ocupacional, e a Giselle, fonoaudióloga. Duas pessoas que, se eu começar a contar a respeito, este texto não termina nunca. Mas, resumindo: adoro, respeito demais e temos uma certa intimidade. Imagina, quase nada. Elas apenas acompanham o Mateus desde que ele tinha 8 meses, viveram de pertinho a…

2,395 total views, 10 views today

Mãe com Emoção

Este é o textinho com o qual estreei no Just Real Moms, site que respeito demais e foi uma referência super importante quando engravidei. Fiquei muito honrada quando a Renata Pires me ligou super querida dizendo que gostaria de minha participação no site. Mãe Com Emoção. Costumo dizer que este negócio de virar mãe, para mim, foi com emoção. Escrevo o “com emoção” lembrando daqueles bugueiros no Rio Grande do Norte que, antes de descer uma duna, perguntam: É com emoção ou sem emoção? E você pensa: estou de férias neste lugar lindo, quero mais é muita emoção. E dez…

642 total views, no views today

Sobre Estranhos e Suas Dúvidas

Para você, pode parecer estranho, mas acho super bacana quando algum desconhecido, na rua, pergunta abertamente se meu filho é especial ou, mais abertamente ainda, se ele tem síndrome de down. Normalmente, quem age assim, o faz com uma curiosidade saudável. Às vezes, tem algum parente próximo com a mesma questão. Outras vezes, ficou encantado ao ver um menino tão simpático, fofo e esperto com aqueles olhinhos puxados típicos da síndrome. O diálogo começa sempre da mesma forma. Com a pessoa perguntando em voz baixa. E eu entendo. Já imaginou o medo de dar um furo? Perguntar para uma mãe…

3,985 total views, no views today