Browsing CategoryDiálogos Bizarros

Um diálogo que quer dizer muito mais

Na praia. Eu e marido cansadões mas precisando deste momento areia, água, nós quatro. Pessoa que se aproxima: Que lindos seus filhos. Ele tem quantos anos? Eu: Eles são demais, né? Ele tem cinco e ela tem quatro. Pessoa: Minha prima também tem um. Eu (só de sacanagem): Um o quê? Um filho? Que bom! Ela (sem sacar): Não. Um Eu (atuando): Um? Ah! Um filho com síndrome de down? É isso? Ela: Ele é o máximo! Fofo assim que nem o seu! Tranquilão, amoroso! Adora um celular e blablablablablablablabla. Eu: Que legal! Como é o nome dele? Ela: Ai,…

90 total views, no views today

Sobre sumiços e línguas ferinas

O café da manhã na padaria é o símbolo da minha resistência materna. Insisto no programa que se tornou impossível com duas crianças pequenas. Quando um se aquieta, é o outro que sai correndo para cumprimentar um cachorro do outro lado da calçada. Ou para roubar o pão de queijo do vizinho depois de quase vomitar ao ver a porção que pedi pra gente. Mas eu vou. Sábado após sábado. Domingos, idem. Três semanas atrás, fomos de novo. Eu, Mateus, Helena e Ju, a folguista. Na verdade, resisti muito à ideia da folguista. Mas, depois de voltar com tudo ao…

470 total views, no views today

Relatos Cotidianos de Uma Mãe, de Uma Grávida, de Uma Mãe Grávida.

Diálogos Bizarros – Parte 1: – Que lindo seu filho! Qual o nome dele? – Mateus. – Ai (super animada)!!! Eu tenho uma irmã chamada Patrícia!!! ?????????! (Acho, mas apenas acho, que a moça tem uma irmã com síndrome de down chamada Patrícia.)   Diálogos Bizarros – Parte 2: – Nossa! Que barrigão! Pra quando é o neném? – Pra dezembro. – Dezembro agora? (Não… Dezembro de 2018. Se eu não explodir até lá.)   Diálogos Bizarros – Parte 3: Ao encontrar uma famosa com seu filho de mais ou menos 5 anos. Famosa (sim, ela que puxou conversa): Que…

12,721 total views, no views today