Browsing CategoryUm Guia

Sobre o Uso Correto dos Adjetivos

Logo que o Mateus nasceu, no meio daquele turbilhão de dúvidas, surgiu mais uma que a princípio pode parecer pouco importante, mas dificultava bastante o meu dia a dia. Como me referir às crianças que não eram down? Os amigos, já sabendo que eu estava pesquisando tudo sobre o assunto, queriam saber quais as implicações da síndrome no desenvolvimento do Mateus. E eu travava nas explicações por não saber como explicar as diferenças entre o meu filho e as crianças, as crianças o quê mesmo? O primeiro impulso foi chamá-las de “crianças normais”. Mas, óbvio que não me sentia confortável…

849 total views, 3 views today

Ups & Downs

Ele não é down. Ele é Up. Eu entendo que, para quem nunca viveu uma situação assim, é difícil encontrar o que dizer. Mas, sério, evite esta frase. Primeiro, porque é um trocadilho bem infame. Segundo, porque escancara um total desconhecimento do assunto. A expressão “síndrome de down” nada tem a ver com o humor ou a personalidade daqueles que apresentam esta condição. Até o senso comum, na maioria das vezes tão equivocado, sabe que pessoas com síndrome de down costumam ser extremamente alegres e possuem uma tendência à felicidade maior que a da maioria. Explicando bem por cima e sem…

654 total views, 2 views today

Sobre Como Tratar Meu Filho – Parte I

Sempre digo e faço questão de repetir que detesto esta neura politicamente correta que escaneia palavra por palavra textos humorísticos, jornalísticos ou bloguísticos. Na boa? Tenho mais o que fazer. Já fui deletada da vida de um amigo, que também tem uma filha com síndrome de down, porque não aderi a uma campanha contra o Rafinha Bastos. Algo a ver com uma piada que o cara fez sobre camisinhas que retardam o orgasmo e a APAE. Sacou? Camisinha, pinto, retardo, APAE? Então. Na minha opinião, uma piada sem graça. Péssima. Mas daí a me sentir ofendida e querer entrar em…

1,038 total views, 2 views today